Postado em: 06/11/2018

Uma História de Tradição e compromisso com a Educação

Desde 1992, o Instituto Educacional Risque e Rabisque desenvolve um trabalho diferenciado, respeitando as particularidades de cada faixa etária e estimulando o desenvolvimento integral das crianças.

Qualidade de ensino, equipe especializada, uma estrutura planejada para a Educação Infantil, horários especiais, alimentação preparada na escola sob supervisão de nutricionista, colônia de férias em julho, dezembro e janeiro e funcionamento nos recessos para as crianças do integral e horário especial.

Adaptação de novos Alunos

O período de adaptação é de grande importância para iniciar o vínculo da criança com as professoras e recreadoras. É um momento especial para a criança e para os pais que, diferentemente da escola, muitas vezes, estão vivendo este processo pela primeira vez.

A confiança será construída pela criança e se dará com o tempo de convívio e interação com todos da instituição. Vale salientar que o processo de adaptação pode ser alterado para atender as necessidades específicas de cada criança.

Proposta Pedagógica para Educação Infantil

A proposta pedagógica do Instituto Educacional Risque e Rabisque leva em conta a lei de Diretrizes e Bases de Educação Nacional – LDB 9.394/96, a constituição Brasileira, o Estatuto da Criança e do adolescente, o disposto nos Parâmetros Curricular Nacional –PCN e a BCN.

A metodologia de ensino está baseada na proposta sociointeracionista, ou seja, o objetivo é levar a criança a explorar e descobrir as possibilidades de aprendizagem, através dos objetivos, das relações com grupo e do espaço, desenvolvendo sua capacidade de observar, descobrir e pensar. Buscamos a integração da criança através do desenvolvimento dos aspectos biológicos, psicológicos e socioculturais, de onde são originadas todas a atividades dos currículos de casa curso, desenvolvidos mês a mês, semana a semana, através de planejamentos.

Se o objetivo da escola é privilegiar a aquisição do saber, e de um saber vinculado à realidade social, é preciso que os métodos favoreçam a correspondência dos conteúdos com os interesses dos alunos e que estes possam reconhecer nos conteúdos, o auxílio ao seu esforço de compreensão da realidade.

Nossa proposta metodológica tem como finalidade o desenvolvimento do educando como um todo, através do desabrochar de vários aspectos da criança, inspirada nas teorias de Jean Piaget e Maria Montessori, adaptadas e transformadas  a nossa realidade, através de planejamento adequados a cada faixa etária, com conteúdo forte e constante, proporcionando assim a estabilidade de ensino e lógica sequencial do mesmo na vida escolar do aluno.

Embora as crianças desenvolvam suas capacidades de maneira heterogênea, a educação tem por função criar condições para o desenvolvimento integral de todas as crianças, considerando, também, as possibilidades de aprendizagem que apresentam nas diferentes faixas etária, através de uma atuação que propicia o desenvolvimento de capacidades envolvendo aquelas de ordem física, afetiva, cognitiva, ética, estética, de relação interpessoal e inserção social.

A definição dos objetivos em termos de capacidade – e não de comportamentos – visa ampliar a possibilidade de concretização das intenções educativas, uma vez que as capacidades se expressam por meio de diversos comportamentos e as aprendizagens que convergem para ela podem ser de natureza diversas. Ao estabelecer objetivos nesses termos, o professor amplia suas possibilidades e atendimento à diversidade apresentada pela criança, podendo considerar diferentes habilidades, interesses e maneiras de aprender no desenvolvimento de cada capacidade.

Respeito à diversidade dos alunos é parte integrante da nossa proposta. Começando pelas diferenças de temperamento, de habilidade, conhecimentos, até a diferença de gênero, de etnia e de credo religioso, o respeito a essa diversidade deve permear as relações cotidianas e estar presente nos atos e atitudes dos adultos com quais convivem na instituição.

Em síntese, a atuação da escola consiste na preparação do aluno para o mundo adulto e suas contradições, fornecendo-lhe um instrumental por meio da aquisição de conteúdo e da socialização, para uma participação organizada e ativa da democratização da sociedade.

Compartilhar:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!